sexta-feira, 30 de junho de 2017

Fora do Largo de São Domingos

No Largo do Chiado

A melhor hora para se ir desenhar neste largo é entre as 8.00h e as 9.30h. Nessa hora só circula no largo quem vai trabalhar, portanto, há sempre um movimento de quem sabe de onde vem e para onde vai. Depois dessa hora aparecem os turistas "aos montes". Param. Olham. Tiram fotos.Conversam. Ficam indecisos se querem subir ou descer. 


Enquanto que o Fernando Pessoa permanecia sentado na Brasileira com turistas à espera para tirar fotos à vez, já o poeta Chiado é desprezado pelo público. Raros eram aqueles que se aproximavam dele, a não ser um grupo de jovens que havia combinado o ponto de encontro aos pés do poeta. E enquanto isso, os músicos pedintes preparam a banda sonora que irá acompanhar o ritmo do largo ao longo do dia.


O largo é atraente em todos os lados: à esquerda e à direita, à frente e atrás e em cima e baixo. Todas a direcções completam o cenário do Largo. Uma das peças fundamentais do largo são os semáforos e o largo não é assim tão grande! Mas é muito movimentado, tanto pelos carros como pelas pessoas! É um stress quando fica vermelho! É uma ansiedade quando fica amarelo! E quando fica verde, toca a acelerar!

Sem comentários:

Enviar um comentário